Justificação, mediante a fé ou das obras?

2-fe-sem-obras-e-morta1
Nos cristãos temos certeza quanto a infalível palavra de Deus, na qual vivemos e pregamos. Porém, em algumas situações somos surpreendidos por perguntas que acabam gerando dúvidas em relação a essa verdade.
É comum vermos pessoas que não creem no evangelho de Cristo, se esforçarem para que a palavra do Senhor entre em demérito. Se aproveitando de “aparentes” contradições bíblicas. Em outros casos vemos denominações pregando e vivendo o evangelho da justificação apenas pela fé, mantendo os maus hábitos anteriores à conversão, dizendo que a fé é o suficiente para sermos salvos. Outras vivendo o evangelho da justificação através das obras.
Enfim… Sem entrar no tema da “predestinação”, vamos ao ponto chave.
Quando lemos o versículo de efésios 2: 8-9, diz que a salvação não vem das obras para que ninguém se glorie. E em Tiago 2: 24 O homem é justificado pelas obras, e não somente pela fé.
Lendo isto será que é o suficiente para declarar que a bíblia é contraditória? Não!!!!!!
Simplesmente os dois apóstolos estão dizendo a mesma coisa de forma diferente.
Em Ef. 2:2-4-6-9, o apostolo Paulo diz: ”em outro tempo estávamos perdidos andando de acordo com a vontade do mundo”. Em seguida, diz que fomos ressuscitados com cristo pela sua graça, e continua dizendo no v8 que a salvação é dom de Deus para que ninguém se glorie.
É fácil compreender nessa mensagem, que o Apostolo Paulo se refere a pessoas que acreditavam que o simples fato de fazer o bem sem crer no sacrifício da cruz, pudessem obter a salvação automaticamente.
Podemos verificar na leitura do próprio capitulo 2 de efésios, quando ele se refere ao fato de que “antes estávamos andando segundo o príncipe das potestades do ar”. Que neste tempo “estávamos mortos em pecado” e que pela “graça e misericórdia de Cristo fomos ressuscitados com ele”. Paulo usa a palavra “ressureição” para definir a morte do velho homem e suas velhas obras. Logo, se estávamos mortos quando andávamos segundo as obras da carne, foi necessário que houvesse uma mudança nas obras para que nossa fé em cristo se tornasse legítima.
Em efésios 4: 17-20 Paulo diz: Assim, eu lhes digo, e no Senhor insisto, que não vivam mais como os gentios, que vivem na futilidade dos seus pensamentos. Eles estão obscurecidos no entendimento e separados da vida de Deus por causa da ignorância em que estão, devido ao endurecimento dos seus corações. Tendo perdido toda a sensibilidade, eles se entregaram à depravação, cometendo com avidez toda espécie de impureza. Todavia, não foi assim que vocês aprenderam de Cristo.
Já em Tg 2:24 o apostolo Tiago reafirma o que Paulo diz, porém, com outras palavras.
Com isto aprendemos que nada mudou e que a palavra de Deus continua coerente e concisa. Oque muda na verdade é a interpretação de algumas pessoas que analisam os versículos separados do seu contexto, com isso mudando o seu real significado. Logo, sem fé é impossível agradar a Deus e a fé sem as obras é morta.
Assim, toda a árvore boa produz bons frutos,
e toda a árvore má produz frutos maus.
Não pode a árvore boa dar maus
frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
Toda a árvore que não dá bom fruto
corta-se e lança-se no fogo.
Portanto, pelos seus frutos os conhecereis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: